sexta-feira, 6 de março de 2015

ROBERTO


Blog Patrulha Rocas
Uma guarnição de polícia do 1º BPM RP 109, comandada pelo cb Geraldo foi até a localidade do Canto do Mangue no bairro das Rocas na zona leste de Natal, na noite dessa quinta 05/03 atender uma ocorrência de briga entre duas mulheres. Ao chegar ao local e se deparar com a ocorrência, notou um que homem atitude suspeita, identificado por Roberto Amorim da Silva de 24 anos, se assustou ao ver os policiais, ao aborda-lo os policiais encontram dois tabletes de maconha pronta para venda e outro tablete enterrado, após serem informados que a droga estava ali, além da quantidade de 98,00 que se caracterizou como tráfico de droga.

Os policiais conduziram Roberto, que disse ser de Ceará Mirim para Delegacia de Plantão Zona Sul, onde foi autuado em flagrante de delito pelo crime de tráfico de droga.

quinta-feira, 5 de março de 2015

"LULÚ BULAL" É PRESA TENTANDO ENTRAR COM MACONHA E CELULARES DENTRO DO PRESÍDIO DE ALCAÇÚZ













 A mulher de um dos presos do Pavilhão 2 de Alcaçuz foi presa, na tarde desta quinta-feira (5), ao tentar entrar com maconha celulares naquela unidade prisional. Antes de ser presa, porém, a suspeita fugiu, foi perseguida pelos agentes penitenciárias e localizada já nas Rocas, por uma equipe do 2º Distrito Policial.
Dinorá Simas, diretora de Alcaçuz, disse que os agentes desconfiaram de Luianeide Ribeiro Nascimento conhecida por “lulu bulal”, de 27 anos, durante a revista. Ao perceber que iria ser flagrada, a mulher então fugiu da unidade em um veículo. Os agentes então saíram em diligências e descobriram que a jovem era do bairro das Rocas.
Eles então entraram em contato com equipe de policiais civis do 2º Distrito, que foram até o endereço de Luianeide Ribeiro e a prenderam quando ela chegava em casa. A mulher tinha escondido 20 aparelhos celulares, aproximadamente 300 gramas de maconha e mais alguns carregadores dentro de um aparelho de TV de 14 polegadas.

Diante do flagrante, a mulher foi conduzida para delegacia para ser autuada. O preso companheiro de Luianeide Ribeiro também foi identificado e irá responder.

Fonte: Portal BO


PASSO DA PÁTRIA REGISTRA SEGUNDO HOMICÍDIO EM 24 HORAS


                                                     JARRINHO



Mais um homicídio foi registrado no bairro do Passo da Pátria, zona Leste de Natal. A vítima foi José Acácio do Nascimento, conhecido pela população como “Jarrinho”.
O crime aconteceu na entrada do Passo da Pátria, por trás de uma escola em um terreno baldio. A vítima foi morta a tiros de revólver calibre 38, e outro tiro de espingarda calibre 12 no lado esquerdo da cabeça.
Jarrinho já teve passagens pela polícia por diversos crimes e era tido como um dos chefões do tráfico em um bairro da zona Norte. Uma batalha pelo comando pode ter sido o motivo principal do crime.

Fonte: Com informações de 190RN.com

Casa da Ribeira celebra 14 anos com vasta programação nesta sexta-feira

12casa1



A Casa da Ribeira celebra seus 14 anos de atividades com muitas novidades. No dia 6 de março, data que marca o aniversário da Casa, serão conhecidos os quatro premiados no edital Cena Jovem. O evento terá também a apresentação do espetáculo “A Ida ao Teatro”, do Grupo Facetas, Mutretas e Outras Histórias. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser retirados a partir das 19h. O evento começa às 20h.
Como um dia é pouco pra comemorar 14 anos de história, a Casa da Ribeira está preparando mais atividades para a sua programação de aniversário: nos dias 13, 14 e 15 de março, a Casa recebe as peças “Jacy” (grupo Carmin) e “Bestiário” (Vinicius Souza, MG); a performance de dança “Etéreo” (René Loui); e a Leitura dramática “Três Tigres Tristes”. Mais detalhes da programação serão divulgados em breve.
Celebrando seus 14 anos em 2015, a Casa da Ribeira começou o ano lançando o Projeto Cena Jovem, iniciativa que busca abrir as portas para artistas do RN, oferecendo prêmios de R$ 30 mil para cada um dos quatro grupos ou coletivos que serão escolhidos para o fomento de novos espetáculos. Os selecionados serão divulgados durante o evento de aniversário da Casa.
Patrocinado pela Petrobras, Governo Federal e Governo do RN, através da Lei Câmara Cascudo, o projeto inclui ao todo 64 ocupações do teatro da Casa da Ribeira, entre outras vantagens.
“Recebemos 50 projetos para o Cena Jovem. A excelente adesão ao edital demonstra quanto o projeto é pertinente para a rede produtiva do estado do RN. Ao apostarmos no fomento todos ganham: ganham os artistas que terão recursos para montagens inéditas, ganha a Casa da Ribeira que poderá permanecer aberta com uma programação diversa e ganham principalmente os públicos que terão oportunidade de refletir e se emocionar com os quatro espetáculos em cartaz a partir de agosto”, analisa Gustavo Wanderley, Diretor de Planejamento e Projetos da Casa da Ribeira.
História
Inaugurado no dia 6 de março de 2001, o Espaço Cultural Casa da Ribeira ocupa um casarão com 102 anos de história (construído em 1911). A Casa está localizada no bairro da Ribeira, em Natal RN, localidade recentemente tombada pelo IPHAN como Patrimônio Cultural Brasileiro.
A Casa da Ribeira comporta no prédio histórico um teatro com 164 lugares, uma sala de exposições, um Laboratório de Ideias – LABi, um Acervo Literário com mais de 1.400 títulos e um café cultural. É um espaço que valoriza as temporadas de grupos e artistas, e tem como foco o desenvolvimento humano através das artes, entendendo às apreciações artísticas como importantes oportunidades de conhecimento e convivência.
Nesse sentido, a Casa da Ribeira tem como prioridade elaborar projetos para o acesso facilitado de públicos à programação do centro cultural. Esse olhar para o “público” é parte do amadurecimento de seu papel enquanto Instituição Cultural e é um dos aspectos mais importantes da trajetória de 14 anos de funcionamento.
“Em 14 anos passamos por muitas fases, mas acredito que o maior aprendizado foi ter entendido que a nossa missão prioritária é conjugar o binômio Educação-Cultura com foco nos públicos”, afirma o Presidente e Diretor Artístico da Casa da Ribeira, Henrique Fontes.
O espaço cultural foi idealizado por iniciativa do Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare e, desde 2001, é administrado por um grupo de artistas e produtores, através de uma associação cultural com personalidade jurídica própria.
A Casa da Ribeira foi erguida graças ao apoio da iniciativa privada, com investimentos diretos e através das leis de incentivo à cultura Câmara Cascudo e Rouanet. É uma Organização Privada sem fins lucrativos, com reconhecimento de Utilidade Pública Municipal e Estadual e como Ponto de Cultura Brasileiro.
Rua Frei Miguelinho, 52
Testemunha de muitos fatos, o casarão de número 52 da Rua Frei Miguelinho nasceu como uma modesta hospedaria em 1911. Os moradores mais antigos da Ribeira contam que, no primeiro andar, marinheiros, vendedores e boêmios dormiam após fecharem bares pela rua Chile e travessas. Tempos depois, o casarão foi transformado em oficina de navios, sendo posteriormente, por muito tempo, a Padaria Palmeiras, uma das principais panificadoras dos bairros da Ribeira e das Rocas.
Programação de aniversário começa com espetáculo
“A Ida ao Teatro”
Não podia faltar teatro no dia do aniversário da Casa da Ribeira. Por isso, no evento do dia 6 de março, o Grupo Facetas, Mutretas e Outras Histórias apresenta o espetáculo “A Ida ao Teatro”.
A peça conta a história de um casal que, vivendo sob o mesmo teto há anos, fazendo sempre as mesmas coisas e sempre discutindo em torno das mesmas questões, se vê repentinamente diante de algo que pode alterar sua relação tediosa: uma ida ao teatro.
O espetáculo é uma divertida história de Karl Valentin, adaptada pelo grupo “Facetas…”, que apresenta cobranças mútuas e frustrações comuns da vida conjugal, levando o espectador ao riso e à reflexão sobre a difícil tarefa da vida a dois e o lugar do teatro na sociedade.
No elenco Rodrigo Bico vive o Marido (Luiz Otávio) e Enio Cavalcante a Mulher (Marta). O detalhe é que esta é a primeira apresentação de Rodrigo Bico como ator depois de ter assumido a presidência da Fundação estadual de Cultura José Augusto. O gestor continua ator.


Fonte: Portal JH


Voos de madrugada podem ser até 50% mais caros, diz pesquisa

yuo674oo4r




Os voos noturnos são mais caros que os voos em horário comercial. Diferente do que muitos pensam, as passagens áreas para embarque de madrugada sofre aumento de até 50% se comparado com períodos diferentes (manhã, tarde e noite). É o que aponta uma pesquisa da agência virtual ViajaNet, que apurou os valores praticados pelo mercado em simulações de compras nesse mês de março.
Na ponte aérea São Paulo com destino Rio de Janeiro, há diferença significativa no custo das passagens se comparar os voos noturnos com os diurnos. Na madrugada, o bilhete aéreo custa cerca de R$ 462 para uma viagem com embarque em 07|03, enquanto que, tanto no período da manhã quanto da tarde, o mesmo trecho saí aproximadamente R$ 318.
Outro percurso analisado é Rio de Janeiro – Brasília, o voo de madrugada saí em torno de R$ 792. Entretanto, se comparado o mesmo trajeto, mas em horários diferentes, por exemplo, matutino e vespertino, o tíquete fica em média R$ 526 e R$ 468, respectivamente.
Segundo o executivo da ViajaNet, Gustavo Mariotto, a passagem aérea comprada com antecedência proporciona ao consumidor economia de até 60%. “O bilhete comprado nesse mês para uma viagem com embarque previsto para agosto, período madrugada, custa em média R$ 270 se comparado com outros horários o mesmo trecho, há uma diferença de quase 80% no valor do bilhete aéreo”, ressalta.
“O consumidor precisa saber que os valores das passagens aéreas sofrem alterações constantes. Hoje, o bilhete que custa, por exemplo, em média R$ 540, amanhã pode custa R$ 485 ou R$ 569, essas alterações vão de acordo com as companhias aéreas e as mudanças do setor”, alerta Mariotto.
Confira alguns destinos, horários e valores dos tíquetes aéreos.

quarta-feira, 4 de março de 2015

MEU DEUS É O DONO

             



Cada vez que falar uma mensagem do meu DEUS às palavras são dadas por meu pai eterno, pois assim como esta escrito em Coríntios cap. 2 e versículos do 04 ao 16 , para que o nome dele seja exaltado sobre tudo que sair da minha boca e mente em seu nome. Que assim seja para todo sempre.

Coríntios 2. 4,5- A minha palavra e a minha pregação não consistiram em linguagem persuasiva de sabedoria, mas em demonstração do Espírito e de poder, para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria humana, e sim no poder de Deus.


MENSAGENS DE MINHA AUTORIA